Engineered For Your Success

26.02.2020

Uma história de sucesso inegável

As plantas de mineração e de tratamento enfrentam um grande desafio, impulsionado principalmente pelo acúmulo de água do subsolo e das minas durante a produção. O descarte dessas águas pode ser problemático em função de seu alto teor de sólidos em suspensão. Este problema, comum ao setor, foi resolvido em uma mina da Uchalinsky GOK JSC com o auxílio de centrífugas e decanters da Flottweg.

uchaly_08

A Uchalinsky GOK JSC fica na República do Bascortostão (Rússia). A empresa processa minério de cobre, zinco e sulfato por métodos de mineração a céu aberto e subterrâneos e produz mais de 65% (dois terços) da concentração de zinco da Rússia.

As atividades desta planta devem ser realizadas da maneira mais ecologicamente correta possível. A situação ecológica da região, notadamente seu terreno acidentado e condições climáticas difíceis, nem sempre são convidativas em termos ambientais. De fato, o terreno e o clima podem ser problematicamente ameaçadores, uma realidade que acabou por causar a modernização da planta da Uchalinsky GOK JSC e de suas instalações de tratamento de água residual em 2006, a um custo de mais de 10 milhões (US$ 11,1 milhões).

O investimento de capital foi necessário para a aquisição de 16 sedimentadores de concreto verticais. Durante a fase de inicialização do projeto, a Uchalinsky GOK JSC enfrentaria diversos problemas, incluindo:

  • Um baixo grau de clarificação da água neutralizada durante a remoção do lodo com hidróxidos metálicos do esgoto e sua transferência para o reservatório
  • “Supercrescimento” intenso dos depósitos de gesso na água tratada e de lodo nas várias tubulações, assim como dentro das plantas de tratamento de água residual e nos dutos de saída
  • Uma baixa taxa de purificação para os sulfatos e sólidos em suspensão

Para enfrentar esses desafios, a empresa acabou decidindo que sua melhor alternativa seria a realização de uma pesquisa ativa sobre as tecnologias mais modernas que poderiam ser implementadas no tratamento de água residual e nas plantas de mineração e de tratamento. Foi uma longa pesquisa, que durou vários anos. Ela também levou à criação de uma parceria entre a Uchalinsky GOK JSC e a Flottweg, em 2013.

Como parte dessa parceria, a Flottweg recebeu a incumbência de resolver o problema do depósito de lodo após a neutralização da água do subsolo e das minas a uma taxa de 1.500–1.800 m3/dia, além de gerar volumes adicionais de água operacional. Após realizar diversos testes, os engenheiros da planta determinaram que o equipamento da Flottweg seria o mais adequado para as tarefas operacionais fundamentais a serem realizadas.

Foram escolhidas centrífugas para a aplicação, fáceis de operar e que exigiam pouquíssimo suporte técnico em comparação com outras tecnologias de desidratação. Estes e outros benefícios acabaram por auxiliar a empresa em sua decisão. De fato, a Uchalinsky GOK JSC escolheu as centrífugas da Flottweg devido às vantagens inegáveis que elas poderiam fornecer, se contrastadas com as de nossos competidores, principalmente:

  • menor necessidade de espaço para o equipamento
  • construção fechada
  • um aumento na quantidade de produtos úteis a serem extraídos
  • intervalos maiores entre as manutenções
  • tempo de parada mínimo
  • ausência de necessidade de consumíveis adicionais ou de equipamento auxiliar

Como parte do projeto, foram instalados dois decanters C7E-4/454 HTS da Flottweg. Os resultados foram positivos e óbvios. Em um curto prazo, eles ajudaram a reduzir a quantidade de resíduo reciclável e de custos com o descarte em quatro a oito vezes, melhorando simultaneamente a qualidade dos efluentes, cheios de metais pesados.

De acordo com Z.R. Gibaddullin, diretor geral da Uchalinsky GOK JSC: “Antes do lançamento dos dois primeiros decanters, havia problemas com a tecnologia. Estes problemas foram solucionados com sucesso pelos equipamentos da Flottweg. Como resultado, compramos um terceiro equipamento e planejamos incorporar equipamentos adicionais da Flottweg em nossas operações.”

 

No momento, dois decanters C7E estão operacionais. A instalação de um terceiro recém foi concluída. Levando em conta o volume de água do subsolo e das minas produzido, os equipamentos da Flottweg processam de 50–80 m3/h de lodo, juntamente com 1.500 m3/dia de água purificada recuperável.

O.N. Danilov, ecologista chefe da Uchalinsky GOK JSC, resumiu a melhora das operações da planta: “Os equipamentos da Flottweg realizaram o trabalho com sucesso, o que me dá a confiança para recomendá-los a outros profissionais do nosso setor que passem por desafios empresariais semelhantes.”

  Ao formulário de contato   +55 19 3836 5300   Contacts worldwide